O desinteresse das pessoas não me interessa

Sabe quando estamos conversando com alguém, contando algo excitante da nossa vida, uma novidade espetacular e a pessoa só consegue dizer: “que legal”, “daora”, “pode crer”. Meu filho, desenvolva suas palavras!

Você acabou de passar por algo traumatizante, está confiando naquela pessoa ao contar uma passagem íntima e delicada da sua vida, as lágrimas estão escorrendo dos seus olhos, você está desesperada em colocar aquelas palavras pra fora, poder contar com alguém próximo, ouvir conselhos, talvez encontrar até alguma semelhança. Todos nós já tivemos dias ruins e encontramos as nossas dores no sofrimento dos outros. É uma forma para vermos que todo mundo passa por algo assim e vai passar.

Tudo isso acabou de acontecer e um turbilhão de pensamentos estão passando pela sua cabeça… Você finalmente termina de contar a pior experiência da sua vida. A sua grande amiga responde: “putz, que foda.”

Um minuto de silêncio.

Mas o que você acha, ser humano? O que eu devo fazer? Me diz algo! Me julgue! Me abraça! Me xinga! Dê a sua opinião! Só não fala isso que você acabou de falar. 

É desse tipo de situação que eu estou falando. Você lê uma notícia que a fez lembrar de alguém, envia uma mensagem carinhosa dizendo que aquilo te lembrou dela, como é um artigo interessante. Você está claramente animada. Resposta: “Legal.”

Desculpa, eu não consigo. Eu sou mais do que isso! Eu gosto de pessoas interessadas pela vida, pessoas inteiras. Gosto de trocar uma ideia com o tipo de gente que se interessa até pelo que você comeu no almoço.

Calma, tô brincando. Sei que a gente não tem tempo pra ficar conversando sobre qualquer coisa a qualquer momento. Mas tem certas situações que as pessoas podiam fazer o mínimo esforço, né? Aos poucos, eu vou perdendo o interesse em contar as coisas pra esse tipo de pessoa. Não vou querer mais contar uma novidade maravilhosa da minha vida. Ela não vai mais fazer parte das minhas conquistas e derrotas. E nem dos artigos incríveis! Dicas de filmes? Não mesmo!

O desinteresse dessas pessoas me causa desinteresse nessas pessoas.

Uma pessoa que não faz questão de nada, nem de conversar, é uma pessoa que não vale a pena ser lembrada. Todos nós temos dias ruins, que nem estamos com vontade de conversar… Mas isso não pode se tornar o seu sempre. Relações são importantes, relações te levam mais longe.

Se for pra não ter resposta, prefiro falar comigo mesma. Ou escrever esse texto.

naomeintere


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s