Uma carta para você mesma

Pode ser uma carta pra você no futuro, uma carta pra você do futuro.

O que você acha mais legal? Imagina ler uma carta que você escreveu pra você mesmo hoje, com 22 anos, mas “imaginando como se já tivesse 40“?

Seria algo parecido com: agora eu me imagino morando em tal lugar com a minha família de tantos filhos, na minha casa de X cômodos, trabalhando com o emprego Y. E aí, como seria?

Ou uma sua de hoje mesmo, querendo enviar uma mensagem pro seu eu de 40 anos.

Que é o que eu estou afim de fazer com algumas coisas que a gente acredita hoje e acha que sempre vai acreditar, ou que um dia acreditou e já esqueceu. Mas não devia ter esquecido.

Eu não vou escrever isso tão especificamente pra mim porque acho que pode ficar meio íntimo ou algumas pessoas podem não entender ou ligar o famoso foda-se, mesmo eu achando que muitos se identificariam. Vou escrever pensando em mim, mas em um geral também, pontos importantes nas nossas vidas que não podemos esquecer nem por um segundo.

Cara eu mesma,

Eu espero que você esteja feliz com você mesma, tanto por dentro, quanto por fora. Porque eu sei que independente de qualquer coisa, isso é importante pra você.

Você tem uma família? Porque eu só consigo te imaginar assim, com um amor e alguns filhos. Não sei quantos, afinal, como diz minha tia “a gente só sabe quantos filhos quer ter depois que tem o primeiro“. E eu não duvido nada, apesar de querer muito ter três. Espero que a sua primeira filha tenha sido uma menina mesmo e que ela seja parecida com você, forte, bem humorada e meio rebelde. Mas se for um menino, que seja assim também… rs

Você ainda viaja bastante? Se a resposta for não, sinta-se envergonhada. Se a resposta for “estou trabalhando demais e não tenho tempo“, sinta-se mais envergonhada ainda. Você sabe como viajar e distrair a cabeça sempre foi uma coisa importante pra você e como o trabalho pesado sem qualidade de vida, apesar de necessário, nunca foi o seu foco na vida, nem um ponto que você imaginava ter no passado.

Você sabe que um emprego que te faz feliz e te dá tempo de viver, por mais simples que seja, sempre foi melhor pra você do que um que te sufoca. Bom, sei lá… Só responde essa pergunta: você está 100% feliz com esse emprego e essa vida? Se sim, ok.

Você faz algum esporte? Sei que eu, com 22 anos, ando enrolando um pouco pra voltar a fazer algo de vez, a voltar a ter uma rotina voltada pra algum esporte, mas acho que você deveria fazer, pela saúde, pelo seu corpo, pela sua alma. Já pensou em dançar? Você sabe o quanto isso te faz bem. Espero que já tenha pensado e esteja fazendo. Ou pelo menos ainda saindo pra dançar…

E escrever? Desenhar? Fazer essas coisas que você adora fazer de vez em quando? Eu não consigo não imaginar a sua casa toda desenhada por você mesma, mas com um toque dos seus filhos! Desenhos na sala, nos quartos e muitas fotos pra todo lado! Aliás, onde você mora? Na real que isso eu nem consigo imaginar, já que eu adoraria morar na Bahia, mas acho que você não conseguiria ficar longe da sua família, né? Se ainda for em SP, que seja em uma casa, simples ou não, mas uma casinha gostosa com um jardim verde bem bonito.

Você chegou a começar algum projeto seu? Tipo esse blog? Mas algo mais sério? Tô louca pra saber o que foi, porque acredito que foi algo bem legal e que faz sucesso. Bem que podia ser o seu trabalho de hoje em dia, né. Faria nós duas muito felizes. Espero que eu não tenha medo de tentar coisas novas, que você não tenha tido esse medo.

Você tem aquele esconderijo que sempre quis ter na sua casa? Opa, espero que sua família não leia isso. Mas você sabe do que eu estou falando.

E um escorregador do andar de cima pro de baixo? Isso você tem que ter, sério.

Nossa, como está o seu cabelo? Não sei porque, mas acho que deve estar escuro, combina mais com você, ainda mais agora mais velha… Eu acho.

Você ainda vai bastante ao cinema, né? Leva seus filhos, seu marido/ namorado e assiste muitos desenhos, por favor! Não deixe de assistir todos que lançarem, aposto que deve ter uns muito bons.

Voltando ao assunto viagem… As viagens que faz é de carro ou só de avião? Você ama viajar de carro e ir conhecendo cada lugar no caminho, espero que ainda as faça com frequência, que leve seus filhos pra conhecer bem o Brasil, assim como você teve a oportunidade de conhecer e que não mime eles.

ALIÁS NOSSA, PONTO IMPORTANTE: você não deixou eles se viciarem em tecnologia né? Não comprou vídeo games, iPads e celulares pra eles ainda jovens ou bebês, né? Porque se fez isso, volte no tempo, eu não quero que eles sejam essas crianças viciadas que não interagem com ninguém e ficam de mal humor se não tem esses negócios pra brincar.

E quem é o pai dos seus filhos? Não sei se eu ainda sou muito ingênua, mas eu te imagino com um homem pro resto da sua vida, depois de casar ou se juntar de vez. Acho que se você tiver a certeza de ter um filho com esse homem, você vai morrer ao lado dele. Espero que ele realmente seja o homem dos seus sonhos e que te trate bem, trate os filhos bem, que ele te faça a mulher mais feliz do mundo todos os dias da sua vida. Porque se ele não for assim, não tem problema ficar sozinha. Melhor sozinha do que mal acompanhada. Você sempre soube se cuidar muito bem sozinha e não é com 40 anos que vai ser difícil ser assim…

Eu não sei porque nem consegui imaginar você sem uma família, já que sei que esse é o seu maior sonho da vida… Mas não consegui. Acho que se não tiver homem pra fazer filho, você faz sozinha e será feliz sozinha.

Você escreveu um livro? Se não, escreva. Você sabe que sempre quis isso, uma história bem da legal e diferente, com um amor gigantesco no meio. É sério, escreva um livro.

Bom você tá feliz? Acho que sim, né… Você sempre foca no que te faz feliz nessa vida, não acho que o tempo vai fazer você ser uma pessoa diferente e menos positiva. Na verdade, eu estou escrevendo essa carta de uma maneira bem positiva, pensando que você vai ler tudo isso rindo e lembrando de quando você escreveu isso.

Eu só tenho mais algumas coisas pra te dizer:

Não faça algo se aquilo não te faz feliz.

Vá atrás do que e de quem você ama.

Cuide da sua família e dos seus amigos. Nunca se distancie deles tanto tempo.

Continue saindo e dançando, você sabe que você ama isso.

Viaje, se divirta, sorria e seja feliz com as coisas simples da vida…. Sempre foi tão fácil.

Continue sendo você mesma, não se envergonha de quem você é, um dia foi e quer ser. Só seja.

3a5427fda6835841a82941287f1905d5

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s